Namorados

Namorados

 

Do desejo de ter,até a realização desse sonho

Barreiras intransponíveis, que saltei como gazela

 

Desejos que queimavam-me como fogo

fazendo me arder febril, pela ausência que

era sentida, na semana que não passava

 

Minha alma, então lamentava ter ficar

longe de ti, entre o desejo e a realidade

Abismos sociais, culturais, quase que imorais

 

Espera longa demais,para um coração

enamorado, que tudo que mais queria

é estar nos braços amados,repousar

na pele que o fazia delirar, nas noites

frias, de agoniante solidão

 

Mas como pra tudo há um tempo

um propósito determinado

 

Deixaste de ser só um sonho

para ser meu namorado

 

Menino cor de jambo,que meu coração

balançou, como criança no parque

fez de meu ser tua morada

 

Primeiro sua namorada,depois

sua amante,confidente,amiga

noiva e casada

 

Os anos passaram na velocidade da luz

mas você cor de jambo,permanece

sendo a luz que me conduz

 

E então chega junho e recordo

ao som da quadrilha e quentão

 

Tem dias dos namorados

dia que tem cor de jambo,

dono do meu coração

 

Autoria

Café Amor e Poesia

Feito Todos os Dias Com Muito Carinho Pra Você

 

Um beijo

 

Anúncios

2 comentários em “Namorados

Deixe Seu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s